Gestão de Pneus

  A gestão de pneus em muitas organizações é deixada de lado. Em modo geral, os pneus representa o quarto maior custo de uma frota, ficando atrás do combustível, folha de pagamento e manutenção.

  Quando a gestão de pneus é realizada da forma incorreta, o custo de pneus pode se tornar o segundo maior custo da frota. Por este motivo os pneus merecem atenção especial pela empresa

Porque toda empresa deve fazer gestão de pneus?

  Como já verificamos no início deste artigo, uma gestão de pneus feita de forma incorreta ou até mesmo inexistente em algumas frotas, podem levar uma frota a ter altos custos prejudicando a receita financeira da empresa.

  Infelizmente a realidade de hoje nos mostra que mais de 80% das empresas que possuem frotas, não fazem gestão de pneus de forma eficiente.

  A gestão de pneus realizada na forma correta é fundamental para reduzir os custos da frota, influenciando no aumento da produtividade dos veículos.

  Os gestores de frotas que conseguem ter esta visão dos custos operacionais e qual o peso de cada pneu nos custos da frota, devem administrar e planejar a melhor forma de uso dos pneus, focando sempre em aumentar a vida útil dos pneus.

  A vida útil dos pneus está ligada as diversas variáveis. Podemos exemplificar em primeiro lugar as pistas que os veículos trafegam.

  Geralmente veículos que rodam em rodovias, os pneus tendem a durar mais que veículos que rodam em trajetos urbanos nas cidades.

  Outra variável que influência no desgaste dos pneus é a forma que o condutor conduz o veiculo onde podemos destacar os seguintes pontos; frenagens bruscas e acelerações bruscas. Esta ação acaba influenciando diretamente no consumo de combustível, ou seja, uma ação indevida reduz a vida útil dos pneus e ainda aumenta o consumo de combustível elevando os custos da frota.

Meu custo de pneus está muito alto, posso comprar os pneus mais baratos no mercado para equipar os veículos da frota?

  Como sabemos os pneus são itens de segurança, onde a qualidade é um fator importante e deve ser respeitado nos momentos da troca dos pneus.

  Muitas vezes o barato pode sair caro. É de extrema importância quando for comprar pneus, realizar pesquisa sobre a marca de interesse e os aspectos do produto.

  Outro fator essencial é ter profissionais bem treinados e que conheça a fundo sobre a gestão de pneus para que a empresa alcance resultados positivos.

Como aumentar a vida útil dos pneus?

  A manutenção preventiva é o ponto crucial para os pneus ter uma vida longa e atingir a meta estipulada.

  A seguir alguns pontos que podem aumentar a vida útil dos pneus:

– Alinhamento / balanceamento – fazer a cada 10.000 km no máximo ou sempre que necessário;

Rodizio de pneus – fazer a cada 10.000 km no máximo ou sempre que necessário;

– Calibrar uma vez por semana – pneus descalibrados reduzem em 20% na vida útil do pneu. Aumenta em 10% o consumo de combustível;

– Lavar pelo menos uma vez por semana os pneus, para que a poeira, reagentes químicos e fuligem das pastilhas não comprometam a borracha;

– Evitar sobrecarga – um pneu com sobrecarga de 30% leva a uma perda de 40% em sua vida útil, influenciando também no consumo de combustível;

– Válvulas de calibragem – nas substituições dos pneus sempre trocar as válvulas. Muitas vezes esta peça é esquecida no momento da troca;

– Evitar arrancadas e freadas bruscas; arrancadas e freadas bruscas deforma a banda de rodagem, a borracha do pneu sofre desgaste precoce, aumenta o consumo de combustível;

– Atenção ao estacionar / buracos: atenção ao estacionar e com buracos estes apresentam um grande índice de avarias em pneus, muitas vezes são danificados no meio fio ou por impacto em buracos;

– Pneus estacionados por longo período em uma única posição: evitar deixar o veiculo parado por longos períodos em uma única posição isto causa deformação na borracha da banda de rodagem e laterais dos pneus.

Atenção!

  A banda de rodagem necessita de uma atenção especial, pois quando fora dos padrões seguros podem ocasionar aquaplanagem e ocasionalmente acidentes. Sempre prestar atenção no TWI (Indicar de Desgaste), quando estiver próximo dele é importante realizar a troca, pois quando atinge o TWI já chegou ao limite.

TWI Pneu Novo 

Gestão de Pneus

TWI Pneu Usado (No Limite)

Pneu Usado

Conclusão

  A gestão de pneus é uma variável que desse ser levado a sério, pois impacta diretamente no custo da frota. Antes de realizar a compra de pneus, consulte profissionais qualificados que entendam do assunto e que conhecem as características de cada modelo de pneu e que saibam fazer planejamento dos pneus corretos que atendam a risca a cada modelo de operação a qual o pneu será utilizado.

Consultoria

Conheça a nossa consultoria especializada na gestão de frota de veículos.

Veja mais

Fale Conosco

Vamos falar de soluções para sua gestão de frota?

Contato
Aguino Almeida
Últimos posts por Aguino Almeida (exibir todos)